"Agradeço a Deus-Pai por me ouvir e me atender. Agradeço a Deus-Pai por ouvir minhas palavras antes de eu as proferir, e atender a meu pedido antes mesmo de eu expressar." Masaharu Taniguchi



quinta-feira, 28 de julho de 2011

Esqueça quem você foi ontem e, a partir de agora, seja alguém bem melhor. Basta querer

Hoje quero reforçar o tema que abordei na semana passada por meio de uma meditação. Convide um(a) amigo(a) para fazer o seguinte exercício junto com você. Primeiro, ele(a) lê em voz alta o texto a seguir enquanto você, de olhos fechados, sente o poder das palavras. Depois, vocês invertem os papéis.

"Eu estou consciente e tenho o poder de pensar como eu quero. Tenho o direito de pensar no que eu quero para o meu próprio bem. Eu tenho e posso impor ao meu mundo interior tudo aquilo que eu quiser. E quero me sintonizar com o melhor. Esqueço, a partir de agora, a pessoa que eu fui, sobretudo meus vícios de pensamentos. Penso apenas na paz. Penso nela, permitindo que seu perfume toque minha aura e atinja todas as áreas da minha vida, todos os cantos do meu corpo. Penso na paz com uma mensagem de ordem e equilíbrio perfeito.

Deixo fluir na minha cabeça a consciência do 'eu posso'. Eu posso estar na paz. Impor essa paz é praticar o meu poder pessoal com responsabilidade divina, obtida por herança natural. O melhor para mim é um grande sorriso no peito. É a felicidade barata e fácil a que tenho direito. É tão simples pensar que o melhor está em mim! A beleza está em mim. A suavidade está em mim. A ternura, o calor, a lucidez e o esplendor das mais belas formas do universo estão em mim. Aí eu me abro inteiro(a), viro do avesso e sinto que não há fronteiras nem barreiras para mim. Sinto que o limite é apenas uma impressão. Sinto que cada condição foi apenas a insistência de uma posição. Sinto que sou livre para deixar trocar qualquer posição por outra melhor. Sou livre para descartar qualquer pensamento ruim, qualquer sentimento ou hábito negativo, qualquer paixão dolorosa. Porque eu sou espírito. Sou luz da vida em forma de pessoa.

Ah, universo, eu estou aberto(a) para o melhor para mim. Eu sei que muitas vezes sou levado(a) por uma série de pensamentos ruins. Mas é porque eu não conhecia a força da perfeição. Eu não conhecia a lei do melhor. Agora eu me entrego, me comprometo comigo, com o universo e contigo. Vou manter a minha mente aberta. Esse momento me desperta, me traz a inspiração ao longo do dia onde se efetiva a luz que irradia para quem insiste no próprio aperfeiçoamento.

Não quero pensar nas minhas fraquezas. Quero olhar bem fundo nos meus olhos e ver como eu sou bonito(a), como fiz e faço coisas maravilhosas e como o meu peito está cheio de vontade. Eu assumo a responsabilidade sobre essas vontades e me projeto com força nessa identidade de saber que eu posso, sim, fazer o melhor. Despertar o meu espírito é viver nele. É ter a satisfação de ser eu mesmo(a). É poder ser original, único(a), pequeno(a) e grande ao mesmo tempo. Sei agora que o melhor está a meu favor. Meu sucesso, aliás, é o sucesso de Deus que se manifesta em mim como pessoa em transformação. Eu sinto como se tivesse sentado nessa cadeira da solidez universal porque eu estou no meu melhor. Porque sou o sucesso da eternidade, porque estou há milhares de anos seguindo e não fui destruído(a). Porque o universo garante.
Grito dentro de mim mesmo(a): de todas as coisas da vida, o melhor ainda sou eu.
O melhor sou eu!"

Luiz Antonio Gasparetto

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Porque se preocupa desnecessariamente?


Quem é que você teme?
Quem é que você pode matar?
A alma não nasce nem morre.
O que aconteceu foi para o melhor.
O que irá acontecer é para o melhor.
Não se ponha a matutar no passado.
Não se preocupe com o futuro.
O presente está aqui.
O que é que perdeu que o faz chorar?
O que é que trouxe que tenha perdido?
O que construiu que tenha sido destruido?
Você não trouxe nada.
O que tem, arranjou aqui.
O que lhe foi dado, foi dado aqui.
O que tirou, tirou do Universo.
Você veio de mãos vazias e irá de mãos vazias.
O que é seu hoje, foi de alguém no passado e será de mais alguém no futuro.
Você pensa que é seu e está agarrado a isso.
Isso chama-se apego e é a causa de todo o seu sofrimento.
A Mudança é a lei da vida.
Aquilo a que você chama de morte é de fato a vida em si.
Num momento você é milionário e a seguir é pobre.
Meu-teu; Pequeno-grande; Nossos-deles.
Retire isso da sua mente e tudo será seu e você será de todos.

Sri Bhagavad Gita.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

O que você carrega na sua mente?

“Um dia, um mestre viajava com um jovem monge. Na margem de um rio, encontraram uma jovem, temerosa de cruzar a corrente rápida e profunda. Compadecido, o mestre propôs carregá-la para outra margem. Lá chegando, colocou a jovem no chão e seguiu viagem. Nada mais aconteceu naquele dia. Alguns meses depois, entretanto, o jovem monge desabafou.
“Mestre”, disse, “há meses que uma coisa está me incomodando. Por favor, o senhor poderia ajudar-me a compreendê-la?”
“O que é?”, perguntou o mestre.
O jovem monge respondeu: “O senhor se lembra de quando, há alguns meses, atravessamos aquele rio e o senhor carregou uma jovem? Não consigo entender seu comportamento. O seu ensinamento não é que devemos sempre evitar o contato com mulheres?”
O mestre fitou o jovem e suspirou. “Veja só”, disse ele, “está vendo como a mente funciona? Eu só atravessei um rio carregando uma pessoa por alguns minutos, mas você a está carregando em sua mente há meses!”

quarta-feira, 6 de julho de 2011

A HISTÓRIA DA SENHORA FELICIDADE

Olá! Meu nome é FELICIDADE, faço parte da vida daqueles que tem amigos, pois ter amigos é ser feliz.
Faço parte da vida daqueles que vivem cercados por pessoas como você, pois viver é ser feliz demais.
Faço parte da vida daqueles que acreditam que ontem é passado, manhã é futuro e hoje uma dádiva, por isso é chamado de Presente.
Faço parte da vida daqueles que acreditam na força do amor, que acreditam que para uma história bonita não há ponto final.
Eu sou casada sabiam? Sou casada com o TEMPO. Ah! Meu marido é lindo demais!
Ele é responsável pela resolução de todos os problemas, e ainda constrói corações, ele cura machucados, ele vence a tristeza.
Juntos, eu e o TEMPO, tivemos três filhos, a AMIZADE, a SABEDORIA e o AMOR.
A AMIZADE é a filha mais velha, uma menina linda, sincera, alegre.
A AMIZADE brilha como o sol, a AMIZADE une pessoas, pretende nunca ferir e sempre consolar.
A do meio é a SABEDORIA, culta, integra, sempre foi a mais apegada ao pai.
A SABEDORIA e o TEMPO andam sempre juntos.
O caçula é o AMOR. Ah! Como esse me dá trabalho! É teimoso e às vezes só quer morar em um lugar. Eu vivo dizendo:
"- AMOR, você foi feito para morar em muitos corações e não apenas em um."
O AMOR é complexo mas é lindo, muito lindo!
Quando ele começa a fazer estragos eu chamo logo o pai dele, o TEMPO, então o TEMPO sai fechando todas as feridas que o AMOR abriu.
Uma pessoa me ensinou o seguinte: "Tudo na vida sempre dá certo, se ainda não deu é porque não chegou o final."
Por isso acredite na minha família. Acredite no TEMPO, na AMIZADE, na SABEDORIA e principalmente no AMOR.

(desconheço o autor)

terça-feira, 5 de julho de 2011

A LEI DO PERDÃO


Assim agem os Mestres Ascensionados:

Quando agredidos por sentimentos de raiva, ódio ou carregados de outras formas malignas, sobre vós ou sobre outras pessoas, - segurai, então, em pensamento, esta energia, envolvei-a completamente, com a Transformadora Chama Violeta e purificai esta energia negativa antes que ela tome uma forma destruidora e possa voltar àquele que a emitiu. Chamai o Próprio Cristo do expedidor e pedi à imperfeita Consciência desse criador de maus sentimentos que se ilumine para que ele possa compreender seu erro e mudar as conseqüências através da Lei do Perdão. É uma ação abençoada, quando se apela à Transformadora Chama Violeta para penetrar no turbilhão de todos os males e assim, por meio da sua Onisciente Consciência, vir à tona todo o produto - as desarmonias, discórdias, etc. Então, serão transformados todos os impulsos por meio da Força da Chama Purificadora e o mal terá de desaparecer.
Nada se ganha quando se devolve ao autor a carregada energia negativa, porque a falsa aplicação desta energia confirma que o criador dela não conhece as energias da antiqüíssima (primitiva) natureza divina e, portanto, tem muita necessidade da Chama Cósmica do Amor, - Não se deve, ainda, procurar reter e fortalecer o poder do mal. É o que acontece com a liberdade desta energia quando não é transformada e substituída pela Perfeição.


Fonte: Vossa atuação na Idade de Ouro- Ponte Para a Liberdade.

segunda-feira, 4 de julho de 2011

MAKOTO

ENSINAMENTO DE MEISHU SAMA


Vou escrever sobre a maneira mais simples de saber se uma pessoa tem ou não tem Makoto*.


Quem tem Makoto respeita e cumpre, acima de tudo, os seus compromissos. Geralmente as pessoas não consideram muito importante o fato de cumprir ou não cumprir um compromisso. Mas na verdade não é assim. Porque o não-cumprimento de um compromisso acaba sendo uma maneira de enganar os outros. É o mesmo que cometer uma espécie de delito.
O que mais costuma ser menosprezado num compromisso é o horário. É preciso pensar, porém, que quem não é pontual no compromisso que assumiu causa aborrecimentos e irritações aos outros, que ficam esperando.
Há um provérbio que diz: "É bom ser esperado, mas não é bom esperar". É claro, portanto, que é preciso procurar perceber o que sente a pessoa que ficou esperando. Quem não se importa com o sentimento dos outros é porque não tem Makoto. Por isso, ainda que a pessoa tenha muitas outras qualidades, estas deixam de ter valor, se não houver sensibilidade neste ponto.
Quem tem fé em Deus não pode menosprezar o rigoroso cumprimento do compromisso ou do horário assumido. Se não puder, acima de tudo, pôr em prática esse preceito, é reprovado na fé. Os adeptos devem guardar bem isto no coração, para que não seja esquecido.

Makoto: vocábulo japonês que engloba as acepções de sinceridade, fidelidade, honestidade, constância, devoção, franqueza, pureza e autenticidade.

domingo, 3 de julho de 2011

sábado, 2 de julho de 2011

O DRAMA DO ECLIPSE CONTINUA

Uma mensagem de Jennifer Hoffman - 27 de Junho de 2011


A semana passada foi difícil para vocês. Estavam no ponto onde não poderiam mais suportá-la? Vocês não estão sozinhos: todos nos sentimos assim. Esta semana fecha o ciclo dos eclipses de Junho, finalmente. Não é um convite para ser feliz por ter acabado e voltarmos aos nossos velhos hábitos, no entanto. É o momento de integrarmos o aprendizado e seguirmos um caminho diferente. Continuem a ler...

Mais um eclipse no ciclo deste mês e estaremos fora de perigo, por enquanto. Este tem sido um mês de energia desequilibrada, com muitos altos e baixos, atrasos, velhas questões que pensávamos que estivessem mortas e enterradas, chegando para a revisão final, ou o Universo nos dando toques não muito suaves sobre o nosso caminho de vida, os nossos relacionamentos, como usamos a nossa energia, a nossa intenção, a nossa auto-estima, ou as muitas coisas que podemos ter adiado por meses ou anos, que estão agora nos lembrando de que não há nenhum tempo como o presente para lidar com elas.

Durante o jantar na casa de uma amiga neste final de semana, a cadeira em que a minha amiga estava sentada, subitamente quebrou e se despedaçou no chão, com ela nela. Ela estava bem e nós rimos, mas era o seu lembrete de que os velhos móveis na casa dela, não mais a estavam apoiando. Após alguma discussão, nós fizemos uma reorganização de alguns móveis e mudamos toda a energia em sua sala de estar. Curiosamente, cada uma de suas peças antigas do mobiliário, desmoronou, enquanto era mudada. Era o momento da “velha energia” partir e ela entendeu a mensagem.

Quando pedimos que seja mostrada a nossa mestria, que estejamos poderosamente dentro de nossa divindade, de termos a vida que sabemos que podemos ter, de integrarmos os nossos eus multidimensionais, estamos também aceitando a responsabilidade por este poder e estamos indicando a nossa disponibilidade de passarmos por uma troca de energia. Esta troca é um processo de duas partes: deixarmos ir algo para criarmos a abertura para recebermos o seu aspecto mais elevado. Para mudarmos para relacionamentos mais satisfatórios, todas as nossas crenças e emoções sobre os nossos velhos relacionamentos devem ser liberadas. Para termos segurança financeira, devemos liberar todas as crenças limitantes sobre a abundância e a auto-estima. A liberação é o primeiro passo, permitindo que a nova energia seja o segundo. Um não pode acontecer sem o outro.

A última semana foi uma lição difícil para muitos, porque ela revelou as muitas maneiras que limitamos o nosso próprio caminho de vida. Queremos ter vidas de mestres, mas agimos e pensamos como vítimas. Queremos ser poderosos, mas agimos e pensamos como se não tivéssemos controle sobre o nosso próprio destino. Queremos alegria e amor e pensamos que estas coisas devem vir de outra pessoa. Enquanto nos aproximamos do final deste ciclo de eclipses, teremos mais algumas oportunidades de convidarmos esta energia de mudança para a nossa realidade. O que escolhermos, revelará as nossas verdadeiras crenças, como agirmos, determinará o que pensamos ser possível e o que estivermos dispostos a liberar é a luz verde do Universo que precisa saber que estamos comprometidos conosco e com os nossos sonhos. Assim, quando dissermos “EU SOU um mestre”, realmente estaremos querendo dizer isto.

Tradução de Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

Direitos reservados © 2004,2005, 2006 para Jennifer Hoffman. Todos os direitos são reservados. Todo o material desta página está protegido pela lei dos direitos internacionais dos Estados Unidos da América e não podem ser parcialmente o integralmente reproduzidos sem a permissão escrita e expressa da autora. Todas as reproduções autorizadas, parciais ou em cópias, por inteiro ou em parte, devem fazer referência ao nome da autora e ao website de Curas Uriel

www.urielheals.com.











sexta-feira, 1 de julho de 2011

A folha...

Um jovem rapaz chegou a sua casa e falou com sua mãe:

- Mãe, parece que ninguém gosta de mim.
- Mas porque você acha isso filho?
- Porque em todo lugar que vou acabo percebendo que com o tempo as pessoas começam a se afastar de mim e tentam me evitar.
- Filho você já tentou perguntou para eles o porquê dessas atitudes?
- Não mãe, mas eu vou fazer isso e depois te contarei a resposta que recebi.
No dia seguinte o rapaz chegou e foi logo procurar a sua mãe:
- Mãe eu perguntei pra algumas pessoas o porquê delas se afastarem de mim, e todas essas pessoas responderam que sou muito rude e que isso magoa quem vive a minha volta. E agora mãe o que faço para pra reconquistar meus amigos?
A mãe do jovem pensou por alguns segundos, pegou uma folha de papel, entregou para seu filho e falou:
- Amasse essa folha o Maximo que você conseguir.
Ele amassou a folha e olhou para a sua mãe, então ela disse:
- Agora eu quero que você desamasse completamente a folha.
O rapaz se assustou, mas obedeceu, tentou desamassar a folha como lhe tinha sido pedido. Ele esticou, alisou e tentou varias outras coisas para conseguir desamassar a folha por completo, mais isso não foi possível. Então ele falou para sua mãe:
- Não tem como deixar essa folha totalmente lisa, por mais que eu tente sempre fica algum amassado.
Sua mãe lhe disse:
- Agora eu quero que você pense em seus amigos. O coração deles e como essa folha, sempre que você os magoa fica alguma marca como esses amassados, e por mais que você peça desculpas essa marca continuara no coração da pessoa.
- Então eu perdi os meus amigos?
A sua mãe respondeu:
- Se eles forem realmente seus amigos não será uma pequena magoa como essa que fará com que eles se afastem por completo de você, e por mais que eles estejam chateados as suas boas atitudes compensaram os seus erros.


Derland Resende


Atividade: recorte um coração e a seguir divida ao meio. De um lado escreva ou desenhe suas atitudes que magoaram os outros, e do outro, atitudes que te deixaram magoado.
Dobre o coração e do lado de fora escreva a palavra perdão e um desenho do que significa perdão para você.


Esta história serve para ilustrar vários temas, como ação e reação ou lei de causa e efeito, o perdão, amizade, amor...